Voltar

Abertas inscrições para Concurso de Fotografia "Charco com Vida", do Museu do Quartzo

Concurso integra programação da VII Feira dos Minerais, Gemas e Fósseis do Museu do Quartzo, que decorre entre 28 e 30 de setembro. Inscrições e submissão de fotografias até dia 29 de setembro.

O Museu do Quartzo promove, nos próximos dias 28, 29 e 30 de setembro, a Feira dos Minerais, Gemas e Fósseis 2018, para reunir colecionadores, curiosos e comunidades educativas oriundos de vários pontos do país e do mundo.

A sexta edição do evento, que decorre desde 2012, inaugura no dia 28 de setembro, pelas 15 horas, e apresenta uma programação diversificada ao longo destes três dias, destacando-se o primeiro Concurso de Fotografia “Charco com Vida”, no dia 29 de setembro, pelas 11 horas.

Este concurso pretende trazer a público trabalhos inéditos que ilustrem a biodiversidade do charco do Monte de Santa Luzia, assim como dos insetos, anfíbios e plantas aquáticas que habitam este ecossistema.

As inscrições e submissão de fotografias decorrem até 29 de setembro (online, em https://goo.gl/PgDcva, no Museu do Quartzo ou através do e-mail museudoquartzo@cmviseu.pt). Consulte aqui as normas de participação. 

Para além de um Concurso Fotográfico, o Museu do Quartzo dinamiza também um Ciclo de Conferências sobre este mineral e suas aplicações, na sexta-feira, dia 28, pelas 15H30.

Pelas 18 horas, decorre a apresentação do livro do Professor Galopim de Carvalho, coordenador científico do Museu, intitulado “O Avô e os Netos falam de Geologia”.

No fim-de-semana, dias 29 e 30 de setembro, às 10H30, há workshops para toda a família. Em “À Descoberta do Ouro”, os participantes poderão ser exploradores de ouro por um dia. No workshop “O Estanho e o Quartzo”, um artesão irá demonstrar algumas técnicas que serão, posteriormente, postas em prática pelos visitantes para criarem as suas próprias obras de arte.

Este ano, a Feira dos Minerais, Gemas e Fósseis continua a dar vida ao espaço envolvente do Museu do Quartzo com várias iniciativas.

No dia 28, pelas 17 horas, promove-se a partilha de memórias sobre o Monte de Santa Luzia entre a comunidade local, os trabalhadores da antiga exploração de quartzo e os visitantes em geral.

À noite, pelas 21 horas, a OFIUCO – Associação de Divulgação da Astronomia, associa-se ao Museu para uma atividade de observação e conhecimento do céu e suas principais constelações, a olho nu ou através de telescópio.

A Feira estará aberta ao público no dia 28 de setembro, entre as 15 e as 22 horas, no dia 29, das 10 às 18 horas, e entre as 10 e as 17 horas do dia 30 de setembro, domingo. Todas as atividades são de entrada livre e gratuita.