Voltar

Município de Viseu cancela cartaz das “Festas & Marchas Populares”

Tradicionais cortejos das Cavalhadas de Vildemoinhos e Teivas também não saem à rua este ano

 

Face à pandemia do COVID-19, que nos obrigou ao isolamento social, e tendo em conta as previsões das autoridades de saúde, o Município de Viseu decidiu cancelar o cartaz “Festas & Marchas Populares”, programado para o mês de junho.

Com efeito, o Município reconhece não estarem reunidas, no atual contexto, as condições para a preparação, organização e realização quer das Marchas Populares, quer da Festa das Freguesias.

“Esta é uma decisão dolorosa, mas que deve ser assumida desde já”, refere o Presidente da Câmara Municipal, António Almeida Henriques.

No caso das Cavalhadas de Vildemoinhos e de Teivas, que integram o cartaz das “Festas & Marchas Populares”, também os seus promotores – responsáveis pela organização dos cortejos – comunicaram cancelamento de ambos os eventos.

“Quero deixar uma palavra às organizações destas seculares tradições. Sei o quanto lhes custou optar pelo cancelamento, mas estamos perante uma crise sanitária, o que nos obriga, em primeira instância, a preservar a saúde pública”, destacou.

De referir que a Câmara Municipal deverá aprovar, esta quinta-feira, um aviso para a apresentação de propostas de reprogramação e reagendamento de projetos aprovados no VISEU CULTURA que tenham sido ou sejam afetados pela crise gerada pela pandemia.